Blog

17-Ago-2018 15:32 - Atualizado em 17/09/2018 15:35
Saúde

Estudos apontam que malhar de manhã é melhor para hipertrofia

Com diferente abordagem de público, nova amostragem contradiz estudos anteriores que indicavam o anoitecer como melhor período para atingir os resultados

2018, imprensa,
Malhar

Ganhar massa muscular ou desacelerar sua perda é extremamente importante para a manutenção da saúde e da qualidade de vida. Mas haveria um melhor momento para realizar os exercícios para ganhar músculos? Até o momento, vários estudos apontavam o anoitecer como o período mais favorável para o desenvolvimento muscular, ou seja, a hipertrofia. Mas essa pode não ser uma realidade. Um estudo publicado recentemente, realizado com mulheres acima de 60 anos apontou justamente o contrário.

Esses estudos prévios, que apontavam o anoitecer como melhor horário para se exercitar, foram realizados com indivíduos jovens e, além de se questionar a magnitude do impacto de se eleger um determinado período para a realização dos treinos sobre a hipertrofia, não se sabe se esses benefícios seriam aplicados para todas as faixas etárias. No novo estudo, as voluntárias que treinaram pela manhã por doze semanas de treinamento de força com dez a doze repetições, apresentaram maiores benefícios do que aquelas que treinaram à noite em todas as variáveis estudadas: força, desempenho de testes funcionais, massa muscular, glicose sanguínea e triglicérides. As voluntárias do grupo controle, ou seja, as que não se exercitaram, obviamente não apresentaram nenhum benefício.

No entanto, cabe aqui uma importante discussão: exercício precisa ser prazeroso para que possa ser incorporado numa rotina praticamente diária. Portanto, precisamos lembrar que muitas vezes “o ótimo é inimigo do bom”. Se você detesta acordar cedo, não adianta optar por treinos de manhã. Faça exercícios no momento do dia em que você se sentir bem para realizá-los. Assim, seu treino será mais prazeroso, renderá muito mais e certamente resultará em maiores benefícios.

Referência:
Bohumila Krcmárová, Matúš Krcmár, Marianna Schwarzová, Peter Chlebo, Zuzana Chlebová, Radoslav Zidek, Adriana Kolesárová, Katarína Zbynovská, Eva Kováciková & Simon Walker (2018) The effects of 12-week progressive strength training on strength, functional capacity, metabolic biomarkers, and serum hormone concentrations in healthy older women: morning versus evening training, Chronobiology International, DOI: 10.1080/07420528.2018.1493490

Eu Atleta | Globo Esporte
Deixe seu Recado